Paços e Liga de acordo na interdição de bancada

Incidente no jogo com o Sporting na origem da decisão

Paços e Liga de acordo na interdição de bancada

O FC Paços de Ferreira e a Liga Portugal decidiram suspender a utilização da bancada amovível do Estádio Capital do Móvel, que ontem teve um degrau de madeira partido durante os festejos do primeiro golo do Sporting.

A primeira reação, em comunicado, foi do FC Paços de Ferreira, que reconheceu a gravidade do incidente, embora como resultado “de uma acumulação anormal e indevida de pessoas em cima de um único degrau de uma das coxias da bancada, sendo a coxia uma zona de passagem e não de permanência de adeptos”. A direção pacense decidiu-se esta tarde pela suspensão imediata e preventiva da bancada até ficar dotada das necessárias medidas de segurança.

Este foi o comunicado do FC Paços de Ferreira:

A propósito do incidente que ocorreu na bancada poente do Estádio Capital do Móvel durante o encontro entre o FC Paços de Ferreira e o Sporting Clube Portugal, vem a direção da FC Paços de Ferreira SDUQ prestar os seguintes esclarecimentos:

1- A bancada poente, bem como todo o restante estádio, encontram-se devidamente licenciados pela Liga Portugal e devidamente certificados por técnico habilitado para a sua utilização em jogos oficiais;

2- Antes do arranque oficial das competições são realizados trabalhos de manutenção que se possam mostrar necessários, o que aconteceu no início da presente temporada, além de uma inspeção regular permanente;

3- Ao contrário do que foi veiculado na comunicação social, a base que cedeu não serve de apoio a cadeiras da bancada. Servia sim, como degrau numa das coxias da bancada, sendo a coxia uma zona de passagem e não de permanência de adeptos;

4- O facto ocorrido ontem é resultado de uma acumulação anormal e indevida de pessoas em cima de um único degrau de uma das coxias da bancada, que fez com que a base cedesse;

5- Não obstante de não se terem a lamentar danos físicos, a FC Paços de Ferreira SDUQ reconhece a gravidade deste incidente;

6- Nesse sentido, a FC Paços de Ferreira SDUQ decidiu suspender a utilização da bancada para reavaliação de todas as condições de utilização e adotar todas as medidas necessárias e suficientes, para uma utilização segura de todos adeptos que possam vir a utilizar a mesma.

7- No dia de hoje, decorreu uma visita conjunta dos serviços da Liga Portugal e dos serviços técnicos da FC Paços de Ferreira SDUQ para avaliação da estrutura global da bancada e independentemente daquilo que sejam a decisão formal das instâncias responsáveis, a FC Paços de Ferreira SDUQ decidiu pela suspensão imediata e preventiva da utilização da mesma.

Liga Portugal toma idêntica decisão

Já esta noite a Liga Portugal confirmou também, em comunicado, a interdição da referida bancada:
“A Liga Portugal informa que interditou a bancada amovível do estádio Capital do Móvel, após o incidente ocorrido na noite de domingo, durante o jogo entre o FC P. Ferreira e o Sporting CP, da Liga Portugal bwin.
A decisão foi tomada na sequência de uma vistoria técnica realizada ao estádio, que levou à interdição imediata da zona, tendo o FC P. Ferreira sido notificado da situação. Os responsáveis do FC P. Ferreira mostraram-se cooperantes desde a primeira hora, ficando agora de indicar uma nova zona com condições especiais de adeptos.”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte(s): www.imediato.pt
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Comentários
Publicidade
Publicidade

Veja também

\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\
Publicidade
Publicidade

Envie a sua mensagem e assim que possível respondemos!

Esse site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar o acesso, você concorda com nossa Política de Privacidade. Para mais informações clique aqui.